Imprimir

Final de semana de grandes emoções na motovelocidade

Escrito por Jonas Bezerra . Publicado em Moto

Neste final de semana, nos dias 20 e 21 de julho, o Kartódromo “Adalberto Cattani”, no Parque do Pinheirinho, em Araraquara sediou dois grandes eventos da motovelocidade do Estado. Um grande público acompanhou os dois dias de competição. Com entrada franca os dois eventos reuniram mais de 60 pilotos, a maioria de São Paulo.

No sábado (20), aconteceu a 3ª etapa do Campeonato Super Moto nas categorias: SM1, SM2, SM3A, SMB, SM4, SM e Penélope. A competição tem a supervisão da FPM (Federação Paulista de Motociclismo) e FBM (Confederação Brasileira de Motociclismo).

A pista foi elogiada mais uma vez por todos os pilotos. De acordo com o organizador da Supermoto, Rick Vieira, “o traçado, muito elogiado, era de alta velocidade. O asfalto era novo, um kartódromo de primeiro mundo. A festa foi completa”, destaca.

E, no domingo (21), foi a vez da LAP (Liga Araraquarense de Pilotos) realizar a 4ª Etapa da SP Open de Motovelocidade. A competição chega em sua metade e a briga pelos primeiros lugares continuam acirrada. Pela RD A, Augusto Pregnolato, com 74 pontos, encosta e Diego “Frango” Galhardi, com 80. Pela RD B, Renato Gonçalves lidera com folga. Ele tem 76 pontos contra 49 de Rafael Virgílio, segundo colocado. E pela Especial, Willian Silva lidera com 77 pontos e em segundo vem Wanderson Silva com 67.

A próxima etapa da SP Open de Motovelocidade acontece no próximo dia 18 de agosto. No dia 04 de agosto, acontece a 5ª Etapa da SP Open de Kart.

Vencedores da 4a etapa

RD A – 1º) Augusto Pregnolato, 22; 2º) Eduardo Baccarin, 18; e, 3º) Diego Galhardi, 16. RD B – 1º) Renato Gonçalves, 20; 2º) Wellington Bernardes, 18; 3º) Paulo Phellipe, 13; 4º) Fábio Geroto, 11; 5º) Rafael Virgílio, 11; 6º)  Jones Alex, 11; 7º) Guilherme Almeida, 9; 8º) Pelau, 9; 9º) Alex Tatto, 6; 10º) Reginaldo Saraiva, 2; e, 11º) Alex Godines, 2. ESPECIAL – 1º) Willian Silva, 22; 2º) Edson “Pezão” Pereira, 17; 3º) Wanderson Silva, 15; 4º) Ricardo Santos, 15; 5º) Renan Brasil, 13.